Intimidade

“A intimidade do Senhor é para os que o temem, aos quais ele dará a conhecer a sua aliança”. (Salmos 25.14 – ARA*)

Jesus, eu quero ficar contigo,
Eu quero ser Teu amigo,
Quero comer no Teu Prato,
Calçar os meus pés nos teus sapatos
E arrastar…

Jesus, eu quero muito Você,
Pegar Tuas sandálias e esconder
Esconder pra Você não sair
Pois eu quero estar perto de Ti!
Te abraçar…

Jesus, eu quero deitar no Teu colo,
Te contar tudo, tudo o que sei,
Descansar recostado em Teu peito
Ouvindo o Teu coração
E me acalmar…

Jesus, eu quero vestir Tua camisa,
Com as mangas maiores que os meus braços
Correr pela casa ao Teu encontro,
E me abandonar no Teu abraço,
E te abraçar…

Preciso tanto de ti, tanto, tanto, tanto
Eu quero ficar contigo, meu Jesus
Quero te abraçar
Quero te tocar… 

Intimidade é amizade. Amizade é um relacionamento que envolve o conhecimento mútuo,  a afeição, além de lealdade ao ponto do altruísmo. Amizade é a capacidade de fazer o bem.

 Texto: Mônica Vicente

*Tradução: Almeida Revista e Atualizada

Fonte: mensagemdiaria.com.br/

Deus Não Desiste De Nós

Confessei-te o meu pecado, e a minha maldade não encobri. Dizia eu: Confessarei ao Senhor as minhas transgressões; e tu perdoaste a maldade do meu pecado. (Selá)”. (Salmos 32.5 – ACF*)

Como andávamos nós? Encobertos de lama e lixo. Estávamos sujos e o pecado cheirava mal em nosso ser. Estávamos presos, cativos, amarrados em nossos pecados, presos a nossa carne, nosso EU, nosso EGO. Andávamos cegos, perdidos, vagando por esse mundo afora com medo, com sede e fome. Buscávamos a saída em todos os cantos e lugares. Buscávamos em coisas, no dinheiro, em pessoas, mas continuávamos ocos por dentro e o vazio que tínhamos dentro do nosso ser não tinha fim. Nossa alma clamava, mas as forças não vinham. O Medo tomava conta do nosso ser e nos afogava e não conseguíamos respirar.

Foi então que apareceu: E vi o céu aberto, e eis um cavalo branco; e o que estava assentado sobre ele chama-se Fiel e Verdadeiro; e julga e peleja com justiça”. Apocalipse 19:11. O homem do cavalo branco JESUS, o Cordeiro que ressurgiu dentre os mortos veio cavalgando e despedaçando todas as correntes, e as amarras que nos acorrentavam e nos prendiam e com um SOPRO…. O sopro do Espírito Santo, o Poder de Deus nos trouxe de volta a vida. O vazio que nos puxava para baixo, foi preenchido e nosso ser HOJE CANTA alegremente louvores ao Rei. Pois Ele reina sobre todo mal, todo reino das trevas treme ao ouvir o som de sua voz. Hoje não tememos mais, pois o grande general nos resgatou da lama e nos deus vestes alvas como a neve.

“Quem é que condena? Pois é Cristo quem morreu, ou antes quem ressuscitou dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e também intercede por nós”. (Romanos 8.34 – ACF*)

Não tememos mais porque temos a certeza que o Pai não desiste de mim e Ele não desiste de você. Ele está pronto a nos resgatar. Basta apenas que gritemos se for preciso para que o mundo ouça:

Senhor salva-me! Senhor tira-me dessa lama em que tenho vivido e preenche o vazio da minha alma e me chama para fora! Ressuscite o meu ser e lava-me com o seu precioso sangue. Em nome de Jesus. Amém.

Texto: Danielle Costa Gomes Vicente

*Tradução: Almeida Corrigida e Revisada Fiel

Fonte: mensagemdiaria

Uma Gota

Havia uma gota em uma nascente de rio.
Era uma simples gota, nada mais que isso.
Mas em sua insignificância tinha uma utopia, um sonho.
Sonhava em um dia, após vencer a correnteza e chegar ao encontro das águas, virar mar.
Ora, quanta pretensão! Uma gota, uma simples gota, querendo virar mar…
Era difícil, sabia ela, porém não impossível.
E agarrando-se nesse fio de esperança seguiu o seu curso natural de rio, sempre pensando no dia em que certamente encontraria o oceano.
Desafios foram surgindo: pedras, evaporação, galhos, entre outros obstáculos, mas ela nunca desistia.
Outras gotas que partiram com ela não chegaram ao fim, ficaram pelo caminho.
Esta porém, talvez pela sua persistência, pela fé que tinha, de uma forma ou de outra sabia que um dia chegaria lá; e de fato, chegou.
Venceu todos os obstáculos, chegou ao encontro das águas e finalmente realizou seu grande sonho.
Hoje aquela gota, aquela ínfima gota, é mar.
Graças à sua persistência conseguiu o que era considerado uma utopia, uma pretensão incomensurável.
Não importa, hoje aquela gota é mar.
Você também pode ser mar, só depende de si próprio.
Você pode ser como aquelas gotas que ficaram pelo caminho, ou como a gota que protagonizou esta estória. Só depende de você!

Os que confiam no Senhor são como o monte Sião, Eternamente firme. Salmo 124,1

Crianças cantando

Salmo 148
…louvai-o, todas as estrelas luzentes. —Salmo 148:3
Isaías 11–13
Efésios 4

O que o Telescópio Hubble Space, um jardim zoológico e crianças cantando têm em comum? Conforme o ensinamento do Salmo 148, poderíamos concluir que todas elas apontam para a magnífica criação de Deus.

Questiona-se com frequência a ideia de que Deus criou o mundo. Talvez por isso este seja um bom momento para se lembrar do louvor que nós e toda a criação devemos dar ao nosso Pai celestial por Sua magnífica obra.

O Hubble pode nos ajudar nisso por meio das fotos de nosso universo, que são de arregalar os olhos. Cada uma dessas fotos brilhantes destaca as estrelas, que refletem a majestade criativa de Deus. O versículo de hoje diz “…louvai-o, todas as estrelas luzentes”.

Uma visita a um jardim zoológico nos mostra a grande diversidade da vida selvagem que Deus criou. Olhamos para os versículos 7 e 10 e dizemos graças a Deus pelas criaturas do mar, animais silvestres, insetos e pássaros.

E alguns minutos assistindo as criancinhas cantando louvores a Deus sem inibição simbolizam a verdade de que todos os povos da terra devem levantar suas vozes em honra ao nosso Criador (vv.11-13).

Estrelas, animais e crianças: “Louvem o nome do Senhor, porque só o Seu nome é excelso…” (v.13). Vamos nos unir e dar graças por Sua criação. “Louvado seja o Senhor!”

Fonte: ministeriosrbc